fbpx

Cirurgia oncológica do aparelho digestivo

Em incidência cada vez maior em nosso país e no mundo, os cânceres que acometem o aparelho digestivo não são tão conhecidos pela população em geral.

 

No entanto, são mais de 70 mil casos de câncer no aparelho digestivo diagnosticados anualmente no Brasil, que envolvem tumores no intestino grosso, reto, estômago, esôfago, fígado e pâncreas.

 

A cirurgia oncológica é a conduta indicada, na maioria dos casos, principalmente os que foram diagnosticados precocemente. Isso porque com a retirada do tumor e de uma área adjacente, as chances de cura são maiores e os riscos de recidiva são diminuídos. 

 

Através de uma cirurgia laparoscópica ou aberta, na região abdominal, o cirurgião acessa o órgão afetado pelo tumor, que é retirado. 

 

Em alguns casos, não se fazem necessários tratamentos complementares com quimioterapia e radioterapia.

 

A realização de consultas periódicas com médicos especialistas em aparelho digestivo aumenta as chances de um diagnóstico precoce através de exames de endoscopia e de imagem e um tratamento assertivo.

Cuide-se!



RESPONDA O QUESTIONÁRIO E VEJA SE É UM CANDIDATO À BARIÁTRICA

Questionário
Há quantos anos você tenta emagrecer sem sucesso? *
Possui comorbidades, como diabetes ou hipertensão? *

IMC

cm
kg
ft
in
lbs